Páginas

sábado, 8 de dezembro de 2012

NÃO GUARDE MÁGOAS, ISSO VAI MATAR VOCÊ!
Guardar mágoas é a mesma coisa que beber um copo de veneno pensando que o outro é quem vai morrer. Quem guarda mágoa no coração destrói a si mesmo. Tome a decisão de perdoar. De espremer a ferida. Faça uma assepsia da alma. O perdão cura, liberta, transforma! Faça um exercício diário de esquecer as coisas ruins e pensar em coisas agradáveis paulo ensinou aos 
filipenses carta que o apóstolo redigiu aos habitantes de Filipos, uma cidade importante no Império Romano por causa de sua localização geográfica na região montanhosa entre a Ásia e a Europa. Há viver com pensamentos saudáveis.

Filipenses
4.8 Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento.

sábado, 24 de novembro de 2012

Efésios 4:24 e vos revistais do novo homem, criado segundo Deus, em justiça e retidão procedentes da verdade.

Portanto meus amados, uma pessoa regenerada é um novo homem, uma nova mulher. Este Espírito que vivifica quando entra na vida de uma pessoa, quando a tira da morte, age na personalidade, no caráter, age nos impulsos, na natureza, no ID, nos sentimentos, age no ser humano de forma completa. Isto se chama regeneração, novo nascimento da água (palavra) e do Espirito . Por esta razão, costumamos dizer que os cristãos verdadeiros são sempre ex-alguma coisa, pelo menos ex-mortos, ex-pecadores. Então, olha o que Paulo disse:para ratificar meu pensamento.
Romanos 6:10 Pois, quanto a ter morrido, de uma vez para sempre morreu para o pecado; mas, quanto a viver, vive para Deus.
Efésios
5.26 para que a santificasse, tendo-a purificado por meio da lavagem de água pela palavra,

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

quinta-feira, 15 de novembro de 2012


Sabendo, contudo, que o homem não é justificado por obras da lei, e sim mediante a fé em Cristo Jesus, também temos crido em Cristo Jesus, para que fôssemos justificados pela fé em Cristo e não por obras da lei, pois, por obras da lei, ninguém será justificado” (Gl 2:16)
Este livro possui seis capítulos e faz parte do Novo Testamento. Ele foi escrito pelo apóstolo Paulo por volta de 48 a 57 DC, dependendo de onde exatamente o livro foi enviado e se foi na primeira ou segunda viagem de Paulo na província romana da Galácia, região que atualmente faz parte da Turquia.
Após o evangelho ter sido espalhado pelo império romano, e muitos gentios começaram a Receber Jesus como Salvador, surgiram discussões sobre os gentios seguirem as leis dos judeus, especialmente a lei que mandava que todo homem fosse circuncidado.
Quando chegou ao conhecimento de Paulo que o ensino do evangelho e as duvidas sobre seguir a lei mosaica tinha começado a influenciar as igrejas de Galácia (pregação da circuncisão ) e que isso estava afastando o povo de sua herança de liberdade, ele escreve deste protesto, descrito nesta epístola  “para resgatar os que estavam sob a lei, a fim de que recebêssemos a adoção de filhos. E, porque vós sois filhos, enviou Deus ao nosso coração o Espírito de seu Filho, que clama: Aba, Pai!” (Gl 4,5:6).
Com isso Paulo chama os Gálatas a se firmarem na sua liberdade, e “não vos submetais, de novo, a jugo de escravidão (ou seja,a lei de Moises)” (Gl 5:1). Essa liberdade não isenta ninguém de enfrentar a luta entre as vontades do Espírito e da carne “Porque eu, mediante a própria lei, morri para a lei, a fim de viver para Deus. Estou crucificado com Cristo; logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim” (Gl 2, 19:20).
No entanto, a carne – natureza inferior do homem foi crucificada com Cristo e, como conseqüência, os frutos do Espírito serão produzidos na vida do crente, são eles: o amor, paz, paciência, compaixão, perdão, alegria, entre outros “Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei” (Gl 5,22:23).Meus irmãos não existe outro evangelho a não ser a Graça de Deus o outro não é evangelho são boas novas no original grego  e Judaísmo são do caminho, nós da Graça de Deus somos Cristão pôs seguimos o cristo ressuscitado !!!! Pr, Dr em Teologia , Mestre e Filosofia pesquisador  em História , Sociologia , Psicologia Clinica  ,Psicanálise , Literatura Leonardo Chagas !!!
I e II Coríntios
Trata-se de duas cartas escritas pelo apóstolo Paulo, por volta de 50 DC, destinada a igreja fundada por ele na cidadede Corinto.
I Coríntios
“O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não se ufana, não se ensoberbece, não se conduz inconvenientemente, não procura os seus interesses, não se exaspera, não se ressente do mal; não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade; tudo sofre tudo crê, tudo espera, tudo suporta” (1 Co 13,4:7)
O autor do livro de dezesseis capítulos já havia fundado uma igreja em Corinto. Tempos depois os cristãos desta igreja haviam escrito uma carta a Paulo pedindo a opinião dele sobre diversos assuntos. Ocorreu que a igreja de Corinto estava com divisões, a igreja estava dividida em diversos grupos onde alguns toleravam imoralidade sexual, outros apresentavam indícios de orgulho, e ainda, um conflito acerca dos dons do Espírito Santo, que estavam sendo utilizados de forma equivocada. Com essa diferença dentro da igreja, os cristãos de Corinto estavam se distanciando da essência dos ensinamentos do Senhor e seguindo determinados líderes espirituais “Refiro-me ao fato de cada um de vós dizer: Eu sou de Paulo, e eu, de Apolo, e eu, de Cefas, e eu, de Cristo” (1 Co 1:12).
Neste contexto, Paulo escreve sua primeira carta aos Coríntios com intuito de conscientizar o povo sobre a importância da santidade na convivência entre as pessoas  “Porquanto, havendo entre vós ciúmes e contendas, não é assim que sois carnais e andais segundo o homem?” (1 Co 3:3); o respeito e busca do Espírito Santo e sobretudo, restaurar a unidade da igreja ao verdadeiro motivo, a sua razão de ser e essência: Jesus Cristo “Acaso, não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que está em vós, o qual tendes da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço. Agora, pois, glorificai a Deus no vosso corpo” (1 Co 6,19:20), e  “A manifestação do Espírito é concedida a cada um visando a um fim proveitoso” (1 Co 12:7).
II Coríntios
“E, assim, se alguém está em Cristo, é nova criatura; as coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas” (2 Co 5:17)
Este livro foi escrito por Paulo para a igreja em Corinto como resultado de sua segunda viagem missionária. Ocorreu que muitos cristãos na época em que receberam a primeira carta haviam se rebelado, criticando e até mesmo questionando a autoridade de Paulo como apóstolo de cristo e sua autoridade para fazer as recomendações que fez à igreja.
Paulo chegou a escrever quatro epistolas, e duas delas fazem parte da bíblia, compondo parte do Novo Testamento. Esta segunda carta a princípio, foi a terceira delas, escrita num segundo momento, onde Paulo defende sua autoridade e trata de assuntos da vida cristã. Ele expressa ainda seu alívio e satisfação em saber que a igreja tinha recebido a sua carta “rígida” (hoje perdida) de uma maneira positiva.
Nesta segunda carta, ao longo de treze capítulos Paulo alerta a comunidade em relação a chegada de falsos apóstolos que estavam colocando em questão o caráter dele e  distorcendo a doutrina de Cristo “Não é de se admirara porque o próprio satanás de transforma em anjo de luz” (2 Co 11:14); e ainda algumas pessoas da igreja não deram sinais de  arrependimento de sua má conduta. Apesar da igreja ter enfrentado uma crise, o apóstolo os encoraja através dessa superação por meio de expressões de amor genuíno “E todos nós, com o rosto desvendado, contemplando, como por espelho, a glória do Senhor, somos transformados, de glória em glória, na sua própria imagem, como pelo Senhor, o Espírito” (2 Co 3:18) ás 14 epístolas de Paulo são as insondáveis riquezas de Cristo !!!! o Evangelho da incircuncisão,  evangelho segundo Cristo e não segundo doutrinas de homens .ULTIMA REFORMA PROTESTANTE !!!! . Pr Dr e Mestre Leonardo Chagas  .

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

CULTO DE ORAÇÃO , INTERCESSÃO E MILAGRES TODAS ÁS TERÇAS FEIRAS 19:30 HRS. VENHA RECEBER SEU MILAGRE ATRAVÉS DA FÉ  ROMANOS  1:17 !!!

domingo, 11 de novembro de 2012


Dutch Reformed Church

Muitas igrejas locais reconstituídos em toda a Europa durante a Reforma Protestante , no século 16. Enquanto a Igreja Reformada Holandesa foi baseada na Holanda, outras igrejas segurando semelhantes pontos de vista teológicos foram fundadas na França, Suíça, Alemanha, Hungria, Inglaterra e Escócia. A teologia e a prática da Igreja Reformada Holandesa, e suas igrejas irmãs dos países nomeados, foram baseados nos ensinamentos de Lutero e João Calvino e os Reformadores muitos outros de seu tempo a Igreja Cristo Vive Xaxim-SCfaz parte destas Igrejas Reformadas -(Dutch Reformed Church)

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Nossa coragem não decorre de autoconfiança, mas da fé no Deus vivo. Porque Deus está conosco podemos ser alimentados pela coragem e não pelo medo. Porque Deus nos conduz em triunfo, podemos avançar com desassombro a despeito dos gigantes que se interpõem em nosso caminho. 

quinta-feira, 8 de novembro de 2012


Como Deus quer relações familiares?

Provérbios 1:7 “O temor do SENHOR é o princípio do saber, mas os loucos desprezam a sabedoria e o ensino.”
Quem despreza a sabedoria e o ensino, diz a palavra do Senhor, é louco. Como nós somos sábios, vamos mergulhar na bíblia sagrada em nome de Jesus.
Como é que Deus vê as relações familiares?
Nós vivemos numa sociedade que quando ela pensa em família, ela pensa imediatamente, nas novelas. E a novela é a maior destruidora dos valores das famílias. Como Deus vê? Nós que somos crentes em Jesus Cristo, salvos, lavados no sangue do Cordeiro, em amor, predestinados. E como Deus vê? Bom! Como você se vê como Deus lhe vê, as relações familiares mudam, totalmente. Hoje, o Pastor vem a este blog  fazer um desafio às famílias  que estão lendo, para sairmos, todos, de uma relação superficial de família, para passarmos, todos, a ter uma relação significativa e profunda de família. Este é o meu desafio: Sair de relações superficiais, para termos uma relação significativa e profunda de família. Fazemos parte da  dutch reformed church Igreja Reforma da Alemã !!! Façamos a Reforma das Reformas !

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

De Segunda a Sexta-Feira de 9:00 Hrs da manhã até 11:30  e Quarta Feira de 2:00 ás 5:00 Hrs da tarde , a Igreja estará aberta para Aconselhamento Pastoral , Orientação Psicológica , e Evangelismo ! mais informações www.igrejacristovivexaxim.com.br  049 99351068.

quarta-feira, 31 de outubro de 2012

"Calvinismo versus Arminianismo"

 
O Calvinismo e o Arminianismo são dois sistemas teológicos que tentam explicar a relação entre a soberania de Deus e a responsabilidade humana em relação à salvação. O Calvinismo recebeu este nome por causa de John Calvin (João Calvino), teólogo francês que viveu de 1509 a 1564. O Arminianismo recebeu este nome por causa de Jacobus Arminius, teólogo holandês que viveu de 1560 a 1609.

Os dois sistemas podem ser resumidos em cinco pontos. O Calvinismo defende a “depravação total”, enquanto o Arminianismo defende a “depravação parcial”. Segundo a “depravação total”, cada aspecto da humanidade está contaminado pelo pecado, e por isso, os seres humanos são incapazes de vir a Deus por iniciativa própria. A “depravação parcial” defende que cada aspecto da humanidade está contaminado pelo pecado, mas não ao ponto de fazer que os homens sejam incapazes de colocar sua fé em Deus por iniciativa própria.

O Calvinismo defende a “eleição incondicional”, enquanto o Arminianismo defende a “eleição condicional”. A “eleição incondicional” afirma que Deus elege pessoas para a salvação baseado inteiramente em Sua vontade, e não em nada que seja inerente à pessoa. A “eleição condicional” afirma que Deus elege pessoas para a salvação baseado em sua pré-ciência de quem crerá em Cristo para a salvação.

O Calvinismo defende a “expiação limitada”, e o Arminianismo defende a “expiação ilimitada”. Este, dos cinco pontos, é o mais polêmico. A “expiação limitada” é a crença de que Jesus morreu apenas pelos eleitos. A “expiação ilimitada” é a crença de que Jesus morreu por todos, mas que Sua morte não tem efeito enquanto a pessoa não crê.

O Calvinismo defende a “graça irresistível” e o Arminianismo, a “graça resistível”. A “graça irresistível” defende que quando Deus chama alguém para a salvação, esta pessoa inevitavelmente virá para a salvação. A “graça resistível” afirma que Deus chama a todos para a salvação, mas muitas pessoas resistem e rejeitam este chamado.

O Calvinismo defende a “perseverança dos santos”, enquanto o Arminianismo defende a “salvação condicional”. A “perseverança dos santos” se refere ao conceito de que a pessoa que é eleita por Deus irá perseverar em fé e nunca negará a Cristo ou se desviar Dele. A “salvação condicional” é a visão de que um crente em Cristo pode, por seu livre arbítrio, se desviar de Cristo e, assim, perder a salvação. Esta doutrina Arminiana e diabólica porque NÃO TEM BASE BÍBLICA, homem não tem o livre arbítrio para salvação e nem perde a salvação .


EFÉSIOS 2:8- Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; 
ROMANOS 8:30"E aos que predestinou a estes também chamou; e aos que chamou a estes também justificou; e aos que justificou a estes também glorificou"






APOSTOLO MIGUEL ÂNGELO EM ENTREVISTA NA BAND.

terça-feira, 30 de outubro de 2012


Vamos entender  Gálatas 1:6-8   “Admira-me que estejais passando tão depressa daquele que vos chamou na graça de Cristo para outro evangelho, o qual não é outro, senão que há alguns que vos perturbam e querem perverter o evangelho de Cristo.  Mas, ainda que nós ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue evangelho que vá além do que vos temos pregado, seja anátema”.
Paulo está dizendo, fora da revelação  da pregação da Graça nem considerem evangelho.  Nós ensinamos aos membros da Igreja a terem esta postura, se vierem com alguma coisa que vá além, que não esteja dentro do padrão das sãs palavras de Cristo, que não esteja dentro da pregação de Paulo, eu não aceito, seja anátema, eu não dou ouvidos, só existe um evangelho afirmou Paulo é a graça revelada, que eu volto a dizer não é uma invenção nossa, do Apostolo,  nem do Pastor Leonardo é a pregação de Paulo. E nós temos que imitá-lo na fé ,ele diz sede meus imitadores como sou de Cristo !

DOMINGO 19:00 5° AULA DO MODULO 3, PODERÁ  PERDE-SE A SALVAÇÃO? COM A CEIA DO SENHOR, VENHA E NÃO PERCA ESTÁ GRANDE AULA . COM O PASTOR LEONARDO CHAGAS

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

TODAS AS TERÇAS FEIRAS CULTO DE ORAÇÃO , INTERCESSÃO , E MILAGRES ÁS 19:30   ANSIEDADE , SÍNDROMES ,DOENÇAS , CASAMENTO DESTRUÍDO, PROBLEMAS FINANCEIROS , A ORAÇÃO MOVE O CORAÇÃO DE DEUS, VENHA RUA RIO GRANDE N.1000 CENTRO XAXIM .







domingo, 28 de outubro de 2012

VISITA DO BISPO SEVERINO JOSÉ A IGREJA DE XAXIM !!!


















A Lei e a Graça

TEXTO: Hebreus 8: 13 “Quando ele diz Nova, torna antiquada a primeira. Ora, aquilo que se torna antiquado e envelhecido, está prestes a desaparecer”.
PENSAMENTO: O propósito deste estudo é definir claramente a diferença entre os dois Pactos, as duas alianças, para que possamos servir à Deus da forma que ele se agrada e possamos produzir frutos para a Glória de Deus.
1. [FCM1]A Lei: O velho Pacto era Carne
a) Rm 7: 8 * Sem lei o pecado está morto. b) Rm 5: 20 * Foi introduzida para que o pecado abundasse. c) Rm 7: 12 * A Lei – Santa, Justa e Boa. d) Rm 8: 3; Jo 7: 19; At 7: 53 * Ninguém a pode cumprir e) Tg 2: 10 * Quem a ofender num ponto é culpado de todos. f) Gl 3: 24 * Foi nosso aio para levar-nos a Cristo. g) 1ª Tm 1: 9 * Não foi dada para o justo, mas para o transgressor. h) Gl 3: 12 * A lei não é da Fé.
2. A Graça: Novo Pacto é para o Espírito.
a) Rm 6: 14 * Na Graça o pecado não reinará em nós. b) Rm 6: 2 * Na Graça estamos mortos ao Pecado. c) Rm 6: 7 * Na Graça estamos justificados do pecado. d) Rm 7: 6 * Na Graça estamos livres da Lei. e) Hb 8: 6 * É um Pacto estabelecido sobre melhores promessas. f) Ef 2: 8 * Somos salvos por Graça. g) Hb 13: 9 * A Graça confirma o coração e não é vã.. h) Rm 11: 6 * Se é por Graça, já não é por obras.
3. No Novo Pacto, as Leis estão escritas no coração e Cristo em nós é a esperança da glória.
a) 2ª Co 3: 2, 3 * Escritas em vossos corações. b) Rm 2: 14 * Não tendo Lei, são lei para si mesmos. c) Ez 36: 26, 27 * Farei que andeis nos meus preceitos.
4. A Lei foi um Ministério de Morte, a Graça é um Ministério de Vida.
a) 2ª Co 3: 6
* Fomos feitos ministros de um Novo Pacto. b) 2ª Co 3: 7, 9,10 * O ministério de morte teve gloria. c) 2ª Co 3: 11 * O ministério do Espirito permanece. d) 2ª Co 3: 11 * O ministério do Espirito permanece.
5. Como se vive por Graça?
a) Rm 4: 16 * É por fé para que seja por Graça. b) Rm 5: 2 * Temos acesso à Graça pela fé.
6. Na Graça estamos verdadeiramente firmes e alicerçados.
a) Hb 10: 14 – Perfeitos para sempre. b) Cl 1: 13 – Libertos das potestades do diabo. c) Rm 8: 2 – Libertos da Lei do Pecado e da Morte. d) 1ª Co 1: 30 – Justificados, Santificados e Redimidos.
7. PALAVRA FINAL: Só por Fé, sem obras da Lei, podemos viver uma vida em Graça que agrade a DEUS. Aquele que está em ti, pelo seu Espírito testificará que tu és, verdadeiramente, um filho de Deus, sendo Ele sustentado e o Fiador deste Pacto de Graça.
A História tem demonstrado que os mais notáveis vencedores normalmente encontraram obstáculos dolorosos antes de triunfarem. Eles venceram porque se recusaram a se tornarem desencorajados por suas derrotas." Pr Leonardo Chagas.

sábado, 27 de outubro de 2012


A Reforma Protestante foi um movimento reformista cristão iniciado no início do século XVI por Martinho Lutero, quando através da publicação de suas 95 teses, em 31 de outubro de 1517  na porta da Igreja do Castelo de Wittenbergprotestou contra diversos pontos da doutrina da Igreja Católica Romana, propondo uma reforma no catolicismo romano. Os princípios fundamentais da Reforma Protestante são conhecidos como os Cinco solas.
Lutero foi apoiado por vários religiosos e governantes europeus provocando uma revolução religiosa, iniciada na Alemanha, e estendendo-se pela SuíçaFrançaPaíses BaixosReino UnidoEscandinávia e algumas partes do Leste europeu, principalmente os Países Bálticos e a Hungria. A resposta da Igreja Católica Romana foi o movimento conhecido como Contra-Reforma ou Reforma Católica, iniciada no Concílio de Trento.
O resultado da Reforma Protestante foi a divisão da chamada Igreja do Ocidente entre os católicos romanos e os reformados ou protestantes, originando o Protestantismo. Hoje em 153 anos de Evangelho no Brasil esta reforma estagnou-se e desde de 1986 nosso Apostolo e Profeta Miguel Ângelo vem fazendo a ULTIMA REFORMA PROTESTANTE no Brasil e no Mundo não mais no seio do romanismo mais na tradição evangélica arrancando os véus das pessoas, que impedem o povo de Deus de chegar a perfeição Bíblica e Espiritual  .Nossa missão dada por Deus e pregar com intrepidez e solidez a Graça de Deus Revelada  ao Ap Paulo e concomitantemente ao nosso ministério . FAÇAMOS A REFORMA DAS REFORMAS !!!!!
1 Timóteo
4.16   Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Continua nestes deveres; porque, fazendo assim, salvarás tanto a ti mesmo como aos teus ouvintes.

Hebreus
9.10   os quais não passam de ordenanças da carne, baseadas somente em comidas, e bebidas, e diversas abluções, impostas até ao tempo oportuno de reforma.
A Igreja Evangélica Cristo Vive de Xaxim -SC é uma extensão da Igreja evangélica Cristo vive SEDE -RJ, pastoreado pelo pastor Leonardo Chagas e Pra Deise chagas contribuindo assim para Ultima Reforma Protestante no Brasil e no mundo.

Endereço -Rua Rio Grande n° 1000 Centro -Xaxim

De segunda a sexta feira das 9:00 às 12:00 Hrs a Igreja estará aberta para orientação Bíblica , e Psicólogica com o Pastor Leonardo Chagas.

Cultos: 3° feira 19:30 hs - Oração , Intercessão, e Milagres, e Domingo 19 :00 hs Culto Apostólico
                                       

                          

2012 -"O ano dos meus Redimidos é chegado: Retribuições e fartas colheitas!"
24/10/2012 - SEMINÁRIO CONSTRUINDO UMA CASA SOBRE A ROCHA !

Todos os Domingos ás 19:00 Hrs , o Pastor e pesquisador em Sociologia , História, e Filosofia Leonardo Chagas está ministrando o curso de Teologia construindo uma casa sobre a rocha com certificado no final ,venha participar e se tornar um Teólogo da Graça de Deus . 2 Pedro 3:18 Antes crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e salvador Jesus Cristo....Amém
I. TESES DEFENDIDAS PELA IGREJA .
O Apóstolo Dr. Miguel Ângelo da Silva Ferreira empenha-se em promover, com a defesa e pregação de suas teses, uma pró-reforma no Protestantismo. Considera que a Reforma Protestante iniciada por Martinho Lutero não se consumou, absorvendo, com o passar dos anos, princípios doutrinários, teológicos e pastorais que estagnaram a igreja institucionalizada e puseram sobre os seus ombros o fardo de ritos, deveres, abluções, proibições, sacrifícios e demais obrigações judaicas e legalistas.
Como propagador da Graça, com fundamento na Bíblia Sagrada - em especial as quatorze epístolas do apóstolo Paulo, propõe a libertação do jugo da lei para um viver orientado pelo conhecimento e pela revelação da Palavra de Deus - confirmada pela manifestação do Espírito Santo na Igreja, que é o sinal visível do Criador entre os homens.
I.1. A PRÉ-EXISTÊNCIA DO ESPÍRITO DOS ELEITOS E ESCOLHIDOS
Eram seres angelicais, e a seu tempo foram revestidos de carne, para o cumprimento do plano de Deus. Os eleitos conhecem sua origem em Deus. Possuem em si a semente incorruptível de Deus. Não há universalidade de escolha, e, portanto, não há universalidade de salvação. A salvação é somente para os eleitos; quem é salvo, é salvo eternamente. Eleição, escolha, resgate e salvação manifestam-se pela Graça de Deus, e não por obras dos homens.
I.2. A PREDESTINAÇÃO E OS DESÍGNIOS DE DEUS
Deus predestina para a salvação aqueles a quem Ele elegeu. A soberania de Deus. O falso livre arbítrio. A existência das duas sementes. Os predestinados são chamados na Bíblia de "cem ovelhas", "tantos como a areia do mar","144 mil", "trigo", "vasos de honra", "propriedade exclusiva de Deus". A certeza da salvação. A garantia da salvação.
I.3. A REDENÇÃO INICIADA NA ENCARNAÇÃO DE CRISTO, CONFIRMADA NA SUA MORTE E COROADA NA RESSURREIÇÃO
Foi selado um pacto perfeito com o sangue do Cordeiro. A gratuidade da salvação. A libertação do poder do diabo. O cristão é resgatado do império das trevas para o Reino de Deus.
I.4. O DOGMA DO PECADO ORIGINAL SEGUNDO A TEOLOGIA PAULINA
O pecado e suas conseqüências: "a incapacidade total do homem", "não há quem busque, nem quem entenda", “o homem sem Cristo está morto em pecados e delitos".
I.5. A SEGUNDA GRAÇA É A VIDA VITORIOSA DO CRISTÃO, RESULTANTE DO CONHECIMENTO DE SUA POSIÇÃO ESPIRITUAL OUTORGADA POR DEUS
Crescimento espiritual.
Autoridade espiritual.
Firmeza de confissão.
Olhos iluminados.
Vivência de uma realidade segundo o Cristo ressuscitado - "a ninguém conhecemos segundo a carne". Consciência de estar sentado em lugares celestiais com Cristo Jesus. Os fundamentos paulinos como base de vida espiritual.
I.6. A DEIDADE DE CRISTO
Cristo histórico x Cristo ressuscitado. Cristo morreu para o resgate dos Seus eleitos, escolhidos e predestinados.
I.7. A VERDADE DIVINA ENCERRADA
Na Palavra de Deus. Na revelação que não é privilégio do magistério eclesiástico, como diz a tradição, mas de todo o povo de Deus. Na comunhão e no ministério sacerdotal, profético e real de Jesus Cristo em cada cristão.
I.8. O BATISMO DO ESPÍRITO SANTO COMO SELO DA CONFISSÃO E PROFISSÃO DE FÉ, INDEPENDENTE DO FALAR EM LÍNGUAS
Um só Senhor, uma só fé, um só batismo. A marca da salvação é dada na confissão de Jesus Cristo como Salvador e Senhor, ou seja, no batismo do Espírito Santo. Ninguém pode dizer que Jesus é o Senhor, senão pelo Espírito.
I.9. O MINISTÉRIO DOS ANJOS
Sua existência.
Sua hierarquia.
Sua ação e seu ministério propriamente dito em favor dos que herdam a salvação.
I.10. IGREJA
Sinal visível da salvação.
Corpo místico de Cristo.
Sinal de Cristo.
Sinal de Unidade, abrindo perspectivas para o homem renascido do Espírito pela mensagem profética e selo do Espírito Santo.
Evangelismo fundamentado segundo o novo pacto, cujas promessas são melhores e superiores.
Uma Igreja sem manchas e sem rugas - a noiva de Jesus Cristo.
I.11. AS QUATORZE EPÍSTOLAS DE PAULO COMO FILTRO DA BÍBLIA
Pelo conhecimento que tinha Paulo do Antigo Testamento.
Pela sua doutrina de coerência.
Pela revelação da Graça de Deus que recebeu da boca do Justo.
Pela unidade que elas estabelecem entre si.
Pela mensagem específica da Graça de Deus aos gentios.
I.12. O DÍZIMO: PRESENTE NO ANTIGO E NO NOVO TESTAMENTO
Abraão, primeiro dizimista entregando seu dízimo espontaneamente a Melquisedeque, rei de Salém, antes da lei. O dízimo é do Senhor. É uma atitude de reconhecimento e de gratidão para com Deus. É um gesto de desprendimento dos bens materiais diante de Deus. É uma semeadura nos canteiros da obra de Jesus Cristo. É uma forma de rechaçar a pobreza e a miséria, males que ofendem e humilham o homem.
O dízimo é honrado por Deus.
O dízimo é anterior à lei.
O dízimo é uma medida sagrada.
I.13. A CONFISSÃO DO CRISTÃO COMO EXERCÍCIO DE SEU SACERDÓCIO
Aquilo em que ele crê, isso ele fala: confissão de boca.
A confissão como fonte de vida e não de morte.
I.14. OS LIVROS E O LIVRO DA VIDA
São salvos os inscritos no livro da vida.
Seus nomes jamais serão apagados.
Os livros das recompensas e dos galardões; o livro dos viventes.
I.15. A CEIA DO SENHOR
Instituída antes da lei, entre Melquisede e Abraão.
Revelada ao Apóstolo Paulo, pelo Cristo Ressuscitado.
Único sinal físico do Novo Pacto.
II. CREDO PROFESSADO
Num Deus Único, Soberano, Criador e Sustentador de toda a criação.
Autor e Condutor de toda a História, tanto do Cosmos como da salvação - o Senhor Jesus Cristo, que se manifestou triunicamente: como Pai na criação, como Filho na redenção, como Espírito Santo nestes últimos dias.
Num Deus que realizou a redenção salvadora pela Sua morte, na manifestação de Filho, feito homem, bem como na Sua ressurreição.
No dom da fé para a salvação por Graça. Num Espírito vivificante, renovador e santificador, que se move e se manifesta na vida da Igreja
, selando Seu povo para a redenção.
Na Predestinação e Eleição do justo. Nos dons e chamada irrevogáveis.
Na prosperidade dos fiéis.
Na manifestação do Cristo revelado nos acontecimentos da história individual de Seus eleitos e coletiva de Seu povo.
No viver do justo por fé.
Na comunhão dos espíritos dos justos chamados para serem santos.
Numa só fé, um só batismo, um só Senhor.
Na ressurreição dos cristãos e na vida eterna.
Na vida terrena vitoriosa.
Na segunda vinda, definitiva, de Cristo, para consumar a História, como Ômega, arrebatando os escolhidos, eleitos e predestinados, judeus e gentios congregados num só rebanho em torno de Si, o único Pastor:
a revelação do Cristo ressuscitado, que é tudo em todos.



30/03/2012 - V CONVENÇÃO INTERNACIONAL ULTIMA REFORMA PROTESTANTE !!!!

NO DIA 24 /03/2012 ACONTECEU EM NOSSA SEDE INTERNACIONAL NO RIO DE JANEIRO , A V CONVENÇÃO INTERNACIONAL , COM O APOSTOLO E PROFETA DR MIGUEL ÂNGELO DA SILVA FERREIRA , COM MUITO LOUVOR E ADORAÇÃO AO NOSSO SENHOR , O NOSSO APOSTOLO TRATOU SOBRE ASSUNTOS IMPORTANTÍSSIMOS COMO A ULTIMA REFORMA PROTESTANTE NO BRASIL E NO MUNDO !!!!! FAÇAMOS A REFORMA !!!!!